Você já ouviu falar do BIM Brasil? Uma plataforma de dados que...

Você já ouviu falar do BIM Brasil? Uma plataforma de dados que pode facilitar muito a construção civil

E sabendo da importância e relevância desse tema para o mercado, a Feicon Batimat 2019 levará uma experiência com esse software exclusivo para dentro do evento!

Se olharmos na pilha de tecnologia utilizada no gerenciamento de obras e processos de entrega de projeto é evidente que a estratégia de ‘há um app para isso e aquilo’ está em plena exibição, tanto que somos inundados com aplicativos individuais como solução especial para cada uma das nossas necessidades.

Apesar de todas essas ferramentas fazerem um grande trabalho para com nossos objetivos, a transferência de informações de uma para outra não é sempre um processo simplificado. Enfrentamos o desafio de fazer malabarismos com vários softwares, não tendo linhas claras sobre quando usar um ao invés da outro, sem perder dados-chave e informações ao longo do caminho. Teríamos como sanar esse problema e simplificar o dia a dia?

Na Feicon Batimat deste ano, o visitante poderá conferir in loco uma experiência nesse sentido com a apresentação da BIM Brasil e seu software de Modelagem da Informação da Construção, uma plataforma unificada. Mas, por que escolher uma única solução em vez de um conjunto de aplicativos de construção?

Com a tecnologia se tornando mais amplamente adotada em todo o ciclo de vida do projeto construtivo, é preciso escolher o software que realmente ajudará a simplificar fluxos de trabalho e manter as equipes focadas em ser eficiente. É fácil, especialmente no espaço de tecnologia de construção, que haja uma distração com muitas soluções e sobrecarregue-se com escolhas. Ao invés de trabalhar em sistemas de silos, escolher uma ferramenta de plataforma de dados comuns (CDP) integra o fluxo de trabalho do projeto inteiro, podendo facilmente transferir informações de uma fase para a outra enquanto todos os dados estão em um local centralizado.

Os benefícios em trabalhar neste tipo de estrutura são muitos, mas aqui estão as top 5 razões por que você adote isso já:

  1. A centralizada ou única fonte de verdade

Em vez de informações de vários locais de abastecimento, todos os dados do projeto vivem no mesmo ecossistema. Isto significa que as equipes têm acesso à informação mais atualizada, eliminando várias iterações e o dispendioso tempo de retrabalho.

  1. Handoffs

Com base na nuvem, acesso móvel e via área de trabalho, as equipes podem facilmente acessar documentos e desenhos de uma fase para a próxima de onde estiver. Uma vez que não existe perda de tempo para transferência de informações de um software para outro, pode-se digerir informações rapidamente e passar para tarefas mais importantes.

  1. Melhor tomada de decisão

A tomada de decisões é melhorada, fornecendo visibilidade em itens que são mais importantes para tratar. Isso ajuda a diminuir a carga sobre os indivíduos em relação a milhares de pontos de dados, todos os dias, podendo de forma mais simples analisar tendências, padrões e correlações em tempo real e extrair insights acionáveis e uma previsão dos riscos potenciais.

  1. Controle de informações

Ao longo de um projeto, informações precisam ser passadas de equipe para equipe. Estes pontos de entrega representam um número de riscos, incluindo a compatibilidade de arquivos, perda de detalhes e o risco de erros e omissões por meio de processos manuais. A estrutura do CDP ajuda a mitigar esses riscos, automatizando o processo de entrega quando possível.

  1. Removendo a desconexão

A construção opera de forma fragmentada, com um elevado nível de desconexão entre as fases do projeto e incerteza ao longo do mesmo. Removendo os silos de dados e suporte a interoperabilidade entre as fases de trabalho, o fluxo do CDP permite que as equipes prevejam os resultados e automatizem processos.

Assine nossa newsletter oficial e acompanhe tudo que está acontecendo na Feicon Batimat 2019!

Facebook Comments