Soluções em gestão de frotas e riscos no transporte rodoviário de cargas...

Soluções em gestão de frotas e riscos no transporte rodoviário de cargas serão apresentadas na FENATRAN 2017

Frota brasileira de veículos de carga chega a 1,7 milhão; empresas como Autotrac e Sascar oferecem serviços que ajudam no controle e na diminuição de incidentes.

São Paulo, junho de 2017 – A gestão de frotas e o gerenciamento de riscos são dois dos principais vetores estratégicos que as empresas de transporte de cargas precisam levar em consideração para garantir o bom desempenho do negócio. A FENATRAN – Salão Internacional do Transporte Rodoviário de Cargas abordará estes temas na edição de 2017. Os visitantes terão à disposição uma gama de produtos e serviços que podem auxiliar transportadoras, caminhoneiros, empresas de logística entre outros. A 21ª edição da FENATRAN acontece de 16 a 20 de outubro no São Paulo Expo, organizada pela Reed Exhibitions Alcantara Machado.

Segundo dados do Ministério dos Transportes, o Brasil tem 1,7 milhão de quilômetros de rodovias, sendo que: 61% do transporte de cargas realizado é rodoviário, seguido pelo ferroviário, com 20%. O número total de veículos de carga no país chega a pouco mais de 1,7 milhão, deste total cerca de 1 milhão são de empresas transportadoras. Os demais são de autônomos ou de cooperativas, de acordo com a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

A Autotrac presente na FENATRAN apresentará ferramentas de controle de frotas como o Supervisor Jornada, que auxilia o transportador a gerenciar o tempo de condução e a jornada de trabalho do motorista, e a Telemetria, que permite o controle eletrônico das condições de uso do veículo, colaborando para a redução dos custos de operação e manutenção, além de ajudar a prevenir acidentes. “A participação da Autotrac na FENATRAN já é tradição no mercado. Procuramos oferecer um espaço em que o visitante possa conhecer e vivenciar um pouco das diversas vantagens que a nossa tecnologia oferece”, afirma Márcio Toscano, diretor Comercial.

Estar prevenido contra incidentes que podem ser comuns nas estradas requer um  gerenciamento de riscos adequado à realidade das empresas. A NTC & Logística (Associação Nacional do Transporte de Cargas e Logística) define o gerenciamento de risco como “a adoção de um conjunto de recursos (humanos, tecnológicos, etc.) e processos de gestão preventivos que visam evitar ou minimizar os efeitos de perdas ou danos que possam ocorrer no transporte de mercadorias, desde a origem até o destino da carga, garantindo que o produto esteja no local desejado, dentro do prazo previsto e de acordo com sua conformidade”.

Para a Sascar, empresa do grupo Michelin, especializada em gestão de frotas, esse desafio da mobilidade brasileira por meio de rodovias, que sofre com a falta de manutenção seja relacionados à pavimentação ou mesmo de sinalização, faz ainda colocar seu olhar em outro problema que vai além do risco: o de acidentes. Hoje, o custo de um acidente para o transportador é 12 vezes maior que o roubo, e 90% dos acidentes são causados por falha humana.

Segundo Bruno Portnoi, diretor de Marketing da Sascar, “um acidente pode trazer grandes prejuízos para uma empresa: perda da carga, caminhão, vida do motorista e de terceiros, além dos danos à imagem da marca, fora o impacto ambiental se o veículo estiver transportando carga química, por exemplo. Nosso compromisso é ajudar o gestor a identificar e minimizar situações de risco que podem causar um acidente, atuando de maneira corretiva no comportamento do motorista na direção”. A Sascar possui um portfólio para atender as necessidades relacionadas à prevenção de acidentes, controle de custos, segurança e conservação da carga e do veículo, bem como de serviços que auxiliam a melhorar a pontualidade nas entregas e a produtividade, seja no segmento de frotas pesadas, leves, carretas, cargas e veículos fora de estrada, explicou Portnoi.
São esperados para a FENATRAN 2017 mais de 60 mil visitantes, com representantes dos  27 estados, além de outros países, principalmente da América Latina. De acordo com pesquisa realizada pela Reed Exhibitions na última edição do Salão, 98% dos visitantes reconhecem o evento como o principal no setor e como a marca amplamente consolidada no mercado. Além disso, 86% acreditam que a participação na FENATRAN foi importante para entender a movimentação do mercado atual. O evento contará ainda com aproximadamente 350 marcas expostas, entre elas MAN, Ford, Volvo, Mercedes, Scania, Randon, Truckvan, Autotrac, Sascar, Cummins, Goodyear, Continental, Tanesfil, Dholandia, Mobil, Meritor e Wabco.

Neste ano, a MOVIMAT – 32ª edição do Salão Internacional da Logística Integrada, acontecerá simultaneamente e no mesmo local de exposições à FENATRAN 2017, no São Paulo Expo.

 

Serviço:

FENATRAN – 21ª Salão Internacional do Transporte Rodoviário de Cargas
Data: 16 a 20 de outubro 2017
Horário: das 13h às 21h
Local: São Paulo Expo
Endereço: Rodovia dos Imigrantes, Km 1,5 – São Paulo
www.fenatran.com.br

MOVIMAT – 32ª edição do Salão Internacional da Logística Integrada
Data: 16 a 19 de outubro 2017
Horário: das 13h às 20h
Local: São Paulo Expo
Endereço: Rodovia dos Imigrantes, Km 1,5  – São Paulo
www.expomovimat.com.br

Mais informações para imprensa

2PRÓ Comunicação  – FENATRAN
e-mail: reed@2pro.com.br
Teresa Silva – (11)3030-9463
Myrian Vallone – (11) 3030-9404
Luciano Somenzari – (11) 3030-9435

Attuale Comunicação – MOVIMAT
Mariele Previdi – 11 99954-4626 – mariele@attualecomunicacao.com.br
Mariane Belasco – 11 97066-0426 – mariane@attualecomunicacao.com.br
(11) 4022-6824

Facebook Comments