A Inteligência Artificial no varejo de autopeças

A Inteligência Artificial no varejo de autopeças

O mercado de reposição automotiva tem diversas particularidades em comparação a outros nichos varejistas. Uma das principais, talvez, seja o fato de se constituir em um comércio mais reativo, em que os clientes compram produtos de acordo com suas necessidades em razão de desgaste ou quebra do veículo.

Para o COO da Propz, Israel Necaxe, no entanto, a utilização da Inteligência Artificial permitirá que as interações dos clientes com os estabelecimentos e com a manutenção ou ainda o monitoramento dos sensores do veículo indiquem com grande exatidão a demanda por reparos e ritmo de desgaste das peças.

“Assim, será possível ainda estimar o tempo para revisão por cluster de clientes, identificar o perfil dos clientes e adequar a comunicação e marketing das empresas e montadoras”, prevê o especialista.

 

Essa é uma seleção de conteúdo da Reed Exhibitions Alcantara Machado sobre o mercado. Matéria publicada originalmente em portal Novo Varejo.

Facebook Comments

Deixar uma resposta